Humanizar é a nova regra do jogo

O movimento de humanização não aconteceu de um dia para a noite, mas ele devagar tomou conta do jogo.

A fórmulas básicas de branding, design e comunicação, sozinhas, não garantem mais a audiência. Um trabalho tecnicamente muito bem feito pode naufragar nas redes sociais enquanto pessoas diferentes, autênticas e as vezes até controversas, que agem na contra-mão de tudo o que reza a cartilha, bombam e mostram que existem novas formas de chamar atenção e se relacionar de verdade com seus públicos.

A autenticidade é a moeda mais valorizada no mercado.

Portanto a dica aqui é que você busque a sua comunicação mais verdadeira. Que ao invés de pensar no volume imposto pela mão invisível do algoritmo, que você pense na consistência de algo que mereça ser lido pelo público.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Queremos intimidade, mais verdade e menos venda fria. Por isso os influenciadores e o nosso tão velho boca a boca é o que mais vende hoje em dia. Queremos escutar pessoas e não marcas. Confiamos na indicação de um amigo, em um post sincero. Um post que revela a pessoa por trás do trabalho, que revela seu modo de lidar com os noivos, muitas vezes é mais importante que o próprio serviço ou produto.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Queremos saber os valores e temperamentos dos profissionais que contratamos para um dia tão importante como um casamento. E não confunda intimidade com mostrar sua vida pessoal, a questão é revelar o seu dia a dia profissional, a forma como você desenvolve, cuida, supera desafios e comemora o seu trabalho, (e também) a sua vida pessoal.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Copiar e colar a moda do momento é o caminho para muito esforço e pouco resultado. Que os recursos do Instagram sejam apenas recursos e não a mensagem em si.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Busque algo interessante para dizer e crie um post, ao invés de TER QUE criar um post e para isso juntar qualquer imagem e texto, para ter a falsa sensação que está fazendo o que precisa fazer.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Pense(e se expresse) logo exista.

Deixe seu comentário ou pergunta, quero saber o que você achou. ;-)

%d blogueiros gostam disto: